Exposição fotográfica sobre Angola/EUA

Exposição fotográfica sobre Angola/EUA

Houston - Uma exposição fotográfica ficou patente de 9 a 16 de Maio na Universidade Intercontinental de Houston, no âmbito das celebrações dos 20 anos do estabelecimento das relações diplomáticas entre Angola e Estados Unidos da América.

A exposição com mais de 100 fotografias foi dividida em painéis que retrataram a evolução das relações diplomáticas entre as duas nações, desde os primeiros embaixadores acreditados nos dois países, passando pela troca de visitas de Estado e comerciais, até aos momentos desportivos que envolveram ambas regiões em campeonatos mundiais.

Estiveram patentes, os registos sobre os últimos desenvolvimentos socioeconómicos em Angola, desde o estabelecimento da paz em Abril de 2002, no domínio da reabilitação de pontes, caminhos-de-ferro e estradas que ligam o Norte ao Sul e o Leste ao Oeste, facilitando a circulação em todo o território nacional, bem como a inauguração de infra-estruturas hospitalares, educacionais e agrícolas.

As novas centralidades habitacionais que mostram o empenho do Executivo nacional na melhoria das condições habitacionais e sociais do povo angolano também foram retratadas na exposição.

Igualmente mereceram atenção, os momentos históricos nacionais que foram lembrados com os registos sobre os primeiros passos do nascimento da República de Angola com a proclamação da Independência Nacional (11 de Novembro de 1975), a realização das primeiras eleições gerais (em 1992) e a assinatura dos acordos de Paz a 4 de Abril de 2002.

As fotos trabalhadas em placas de espuma foram concebidas de diversas dimensões e tamanhos, sendo que as maiores, com mais de um metro quadrado, retrataram os momentos da independência nacional e os encontros históricos entre os presidentes José Eduardo dos Santos, George Bush e Barack Obama.

Promovida pelo Consulado Geral de Angola em Houston, a exposição fotográfica, sob o lema "A evolução das relações bilaterais entre Angola e os Estados Unidos da América e os recentes progressos em Angola", teve como objectivo mostrar a entidades dos dois países, universitários, homens de negócios e outros interessados os vários momentos das duas nações.

Os registos fotográficos foram primeiramente expostos no hotel Crowne Plaza, no centro de Houston-Texas, onde decorreu um simpósio de negócios sobre os 20 anos de relações diplomáticas entre os dois Estados.

O referido simpósio reuniu cerca de 300 individualidades, entre governantes angolanos e americanos, antigos embaixadores, homens de negócios, universitários e líderes de associações.

A exposição no Hotel Crowne Plaza foi inaugurada simultaneamente pelo ministro angolano dos Petróleos, José Maria Botelho de Vasconcelos, e pelo embaixador de Angola nos Estados Unidos, Alberto do Carmo Bento Ribeiro.

O simpósio de negócios sobre os 20 anos de relações diplomáticas entre os dois Estados comportou painéis de debates, nos quais destacam-se, pela parte angolana, a presença do ministro dos Petróleos, José Maria Botelho de Vasconcelos, o embaixador de Angola nos Estados Unidos, Alberto do Carmo Bento Ribeiro, e o secretário de Estado de Geologia e Minas, Miguel Bondo Júnior.

A Cônsul geral de Angola em Houston, Júlia Machado, e a presidente da Agência Nacional de Investimentos Privados, Maria Luísa Abrantes, também participaram do certame.

Altos funcionários americanos fizeram-se igualmente presentes nos painéis de discussão, destacando-se o secretário assistente para os Assuntos Africanos do Departamento de Estado Americano, Ruben Brigety, a secretária-assistente para África do Gabinete de Representação Comercial (USTR), Florizelle Liser, o primeiro embaixador americano em Angola, Edmund DeJarnette, o Director Regional para Africa da Ex Im Bank dos Estados Unidos, Rick Angiuoni, a presidente da Câmara de Comércio Angola-Estados Unidos, Jeannine B. Scott, representantes da Prefeita de Houston, do Conselho da Cidade de Houston, a Assistente da Deputada Federal Sheila Jackson Lee, entre outros.

O presidentes da Cobalt Internacional, Joseph Bryant e da Lazare Kaplan Internacional, Maurice Tempelsman e representante das petrolíferas dos dois países, nomeadamente Sonangol, Chevron, Exxon-Mobil fizeram igualmente parte dos painéis de debates.

Os temas discutidos durante o Simpósio centraram-se nos progressos e perspectivas das relações diplomáticas entre Angola e os Estados Unidos da América, bem como o sector petrolífero e os desafios para a diversificação de investimentos em Angola.

O Grupo de dança tradicional Batoto Yetu criado pelo angolano Júlio Leitão em Nova York animou os presentes ao simpósio.

0 Comentários

Deixe um Comentário

  • Was this helpful?

  • No Very
  • Enter Word Verification in box below •

    Captcha Image

Sobre Nós

A representação do Consulado Geral de Angola abrange nove Estados arnericanos, desde do Sudeste ao Sudoeste dos Estados Unidos, nomeadamente os Estados da Alabama, Arkansas, Carolina do Norte, Carolina do Sul, Florida, Georgia, Louisiana, Mississippi, Novo Mexico, Oklahoma, Tennessee e Texas.

Phone: 1-713 212 3840

Nossa Equipe

Copyright © 2015 | Elite Management Solutions